O Professor tira dúvidas

Fevereiro 07 2009

 

Escola Básica 2, 3 __________________________
Teste de avaliação de Língua Portuguesa 3 – 8º ano
 
Grupo 0 – Compreensão Oral
 
Ouve atentamente e indica na tua folha de teste:
 
1. Personagem Principal
2. Características físicas
3. Características psicológicas
4. Personagens secundárias
5. Resumo (5 linhas)
 
Grupo I – Compreensão Escrita
 
Lê atentamente o texto e responde com correcção e clareza às questões seguintes.
 
Lenda das Amendoeiras - Algarve
 
Há muito tempo, antes da independência de Portugal, quando o Algarve pertencia aos mouros, havia ali um rei mouro que desposara uma rapariga do norte da Europa, à qual davam o nome de Gilda.
Era encantadora essa criatura, a quem todos chamavam a "Bela do Norte", e por isso não admira que o rei, de tez cobreada, tão bravo e audaz na guerra, a quisesse para rainha.
Apesar das festas que houve nessa ocasião, uma tristeza se apoderou de Gilda. Nem os mais ricos presentes do esposo faziam nascer um sorriso naqueles lábios agora descorados: a "Bela do Norte" tinha saudades da sua terra.
O rei conseguiu, enfim, um dia, que Gilda, em pranto e soluços, lhe confessasse que toda a sua tristeza era devida a não ver os campos cobertos de neve, como na sua terra.
O grande temor de perder a esposa amada sugeriu, então, ao rei uma boa ideia. Deu ordem para que em todo o Algarve se fizessem plantações de amendoeiras, e no princípio da Primavera, já elas estavam todas cobertas de flores.
O bom rei, antevendo a alegria que Gilda havia de sentir, disse-lhe:
- Gilda, vinde comigo à varanda da torre mais alta do castelo e contemplareis um espectáculo encantador!
Logo que chegou ao alto da torre, a rainha bateu palmas e soltou gritos de alegria ao ver todas as terras cobertas por um manto branco, que julgou ser neve.
- Vede - disse-lhe o rei sorrindo - como Alá é amável convosco. Os vossos desejos estão cumpridos!
A rainha ficou tão contente que dentro em pouco estava completamente curada. A tristeza que a matava lentamente desapareceu, e Gilda sentia-se alegre e satisfeita junto do rei que a adorava. E, todos os anos, no início da Primavera, ela via do alto da torre, as amendoeiras cobertas de lindas flores brancas, que lhe lembravam os campos cobertos de neve, como na sua terra.
Cf. http://web.educom.pt/pr1305/lenda_das_amendoei.htm
 
1.      Assinala com V (verdadeiro) ou F (falso) as seguintes afirmações e corrige as falsas :
 
a) As lendas pretendem transmitir um ensinamento.
b) O rei mouro vivia no Norte da Europa.
c) Gilda tinha saudades das amendoeiras da sua terra.
d) As amendoeiras florescem no Verão.
 
2. Indica a personagem principal do texto e justifica a tua opção.
3. Classifica o tipo de narrador da lenda e justifica a tua resposta.
4. Qual a explicação que esta lenda pretende dar?
5. Elabora um texto com 5 linhas no mínimo, em que expresses a tua opinião sobre esta lenda, justificando o teu ponto de vista.
 
 
Grupo II - Funcionamento da Língua
 
1. Faz a correspondência letra / número. (Atenção! Há um número a mais…)
 
a) eu                1. Pronome indefinido
b) meu             2. Pronome possessivo
c) que              3. Pronome demonstrativo
d)este              4. Pronome relativo
                        5. Pronome pessoal
 
Grupo III – Expressão Escrita
 
Certamente ouviste muitas histórias tradicionais na tua infância. Num mínimo de 15 linhas, conta ou recria uma história tradicional que conheças, por exemplo, o Capuchinho Azul e os Sete Porquinhos…
Bom trabalho!
José Miranda©
 
publicado por OPTD às 12:41

Um blogue de apoio às minhas aulas e a todos os que gostam da Língua Portuguesa (e Francesa) e tudo...
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
26
27
28


links
pesquisar
 
Contador (desde Julho 2009)

contador gratis
blogs SAPO